Diminua a sobrecarga mental com pequenas atitudes.

Nunca estivemos tão expostos a informação, nunca tivemos tantos compromissos, nunca tivemos que dar satisfação pra tantas pessoas, nunca fomos tão cobrados… a impressão que eu, Hariana, tenho sobre isso tudo é que nosso cérebro não foi feito pra tanta atividade. Somos uma máquina incrível e com muito potencial, mas estamos desperdiçando esse potencial porque estamos sobrecarregando nossa mente.

É muito difícil termos consciência e tomar atitudes pra diminuir o stress do dia-a-dia, parece que não temos alternativa e acabamos diariamente levando a nossa mente ao limite dela. Já não é de hoje que tento prestar mais atenção em mim e tento encontrar formas de viver mais leve, então achei que era hora de começar a dividir algumas coisas que andei aplicando e que andam funcionando.

797d77bf5c7a91b774ebf6584aba7246

Illustração: Marcel Dzama

Não é preciso uma GRANDE mudança pra sentir diferença, uma soma de várias pequenas mudanças podem ter um efeito muito significativo. Enumerei algumas pequenas atitudes fáceis de adotar e que aliviam (e muito!) a sobrecarga:

01. Desligue as notificações

Instagram, facebook, twitter, calendário, youtube, e-mail, aplicativo de jogo, de dieta, de treino, whatsapp com 90 grupos, sms, ligações… se deixar, nosso telefone pisca 24 horas por dia com coisas que não são urgentes. Se não der pra desligar todas as notificações, faça uma análise sincera de tudo que pula na sua tela diariamente e decida o que pode esperar e o que não pode. Você vai se surpreender com a maravilha que é só ter acesso a cada aplicativo quando você decide acessar e não no tempo que o celular quer.

02. Coloque as contas em débito automático

Eu sei que pode parecer que não custa nada entrar umas 10 vezes por mês na conta pra fazer pagamentos nos dias dos vencimentos das contas, mas a verdade é que faz. Dia 5 a luz, dia 7 o gás, o cartão de crédito dia 14, o plano de saúde dia 19,  o condomínio dia 25 e a cabeça preocupada pra não esquecer o dia, mesmo que pra você pareça que está tudo no modo automático. As finanças já são por si só bem desgastantes, já pensamos em contas quase todos os dias das nossas vidas, não precisamos da pressão inconsciente para não esquecer do que pode ser colocado em débito automático. No fim do mês puxe um extrato, analise se todas as contas debitadas estavam certas e transforme 10 compromissos mensais em apenas um.

03. Saia para seus compromissos 10 minutos mais cedo

Pra que sair no limite do horário e permitir que qualquer imprevisto se transforme em um stress desnecessário? Saindo mais cedo, o caminhão do lixo travando a rua vai te estressar menos, pegar todos os sinais vermelhos não vai te afetar, o trânsito por conta de uma batida ou uma blitz não vai te atrasar, a demora pra achar vaga não vai te prejudicar e você não vai chegar no seu compromisso de mau humor.  Experimente.

04. Separe a roupa do trabalho na noite anterior

Na noite anterior, separe sua roupa. Isso vai fazer com que você não precise acordar tomando decisões. Por menor que seja a decisão, já é uma pressão mental e despertar na manhã com calma é um dos segredos para um bom dia. Na noite anterior dá tempo de lavar uma calça, passar uma camisa, decidir combinações e o tempo de escolher a roupa pode virar 15 minutos a mais de contemplação na janela enquanto toma o café da manhã.

05. Anote tudo

Isso, deixe um bloco de anotações e uma caneta sempre por perto. Na bolsa, no carro, no trabalho, em casa… Nossa mente foi feita pra CRIAR e não pra ser depósito de informações. Anote o que falta na geladeira, anote o horário do médico, anote uma ideia, anote os compromissos, anote o dia de buscar a roupa na lavanderia, anote o horário da reunião. E não vale bloco de notas do celular e nem tirar print de algo pra ver depois, eu sei e você também sabe que raramente você volta nas fotos pra olhar o que salvou e mais raramente ainda abre as notas do celular. No papel a visualização é melhor, no papel está tudo no mesmo lugar, tudo claro pra você em uma passada de olho e o espaço de memória na sua mente cada vez mais livre pra você criar, ter novas ideias e produzir.

06. Leia notícias apenas uma vez por dia

Não foi assim até anos atrás e as pessoas pareciam até mais inteligentes e esclarecidas? Essa coisa de passar o dia inteiro abrindo a página do jornal, lendo notícia por redes sociais, coletando informações incessantemente não é saudável. Tire uma hora do seu dia, pela manhã ou tarde ou noite, e atualize-se. Não leia só as manchetes, tire uma hora pra se informar sobre tudo que aconteceu nas últimas 24 horas e você vai ver que terá muito mais consciência da informação que está consumindo e sua mente não vai ficar o dia inteiro tentando armazenar dados soltos. Ninguém precisa saber sobre o que está acontecendo em tempo real, a menos que trabalhe com isso. Não precisamos ser os que mais sabemos ou os primeiros a saber, liberte-se dessa pressão.

07. Não fracione atividades

É… abastecer o carro 6 vezes por mês com R$20 cada, não te fará gastar menos de R$ 120 mensalmente com combustível. Além de o impacto financeiro ser exatamente o mesmo, você poupa seu tempo e, mais que isso, não passa 6 vezes pela aflição de estar ficando sem combustível sem saber onde está o posto mais próximo. SEMPRE que puder evitar as situações de pressão, por menores que sejam,  evite. O mesmo vale pro transporte público… se você sabe que ao fim da semana terá que usar 15 passagens, por que colocar 3 por dia no cartão ao invés de 15 logo na segunda-feira?

08. Não diga SIM querendo dizer NÃO

Esse exercício é muito mais difícil que parece, mas é essencial. Quantas vezes você já disse que iria a uma festa que não queria ir e passou os 5 dias seguintes fritando a mente procurando uma desculpa pra dar e não ir. Adiar o não é muito pouco inteligente… se já sabemos que não teremos tempo ou que não queremos ir a um certo compromisso, NÃO adie a resposta definitiva. É muito desgastante ficar arquitetando desculpas para dizer o que você queria dizer desde o início e que seria bem mais fácil de dizer de primeira. Não desperdice energia no que não precisa.

09. Comece agora

Qualquer coisa… não importa o que é, se você quer começar, comece. Nunca estaremos com todas as condições perfeitas ou no momento mais favorável, é preciso começar hoje com o que se tem. Adiar planos é muito frustrante e esperar por condições ideais, além de ingênuo, é gatilho para ansiedade. Daqui um ano você vai desejar ter começado hoje. Pessoas que conquistaram grandes coisas com certeza começaram antes de estarem prontas. Não adie.

10. Não minta

Eu sei que isso aqui pareceu conselho de mãe pra filho de 10 anos, mas a verdade é que todo mundo mente. Uns contam mentiras maiores, outros contam mentiras menores. Uns mentem mais, outros mentem menos, mas todo mundo mente. E sustentar mentira demanda muita energia e muita capacidade mental. Quando contamos uma mentira ou enganamos alguém, estamos constantemente em estado de alerta pra que a mentira não seja descoberta, pra que nada do que falemos contradiga nossa farsa… mentir é estar em constante estado de tensão, de preocupação e de aflição, ocupando mais uma vez nossa mente com atividades que nos impedem de criar e produzir.

Acredito que ainda tenha muitas pequenas atitudes que possam aliviar a sobrecarga mental, posso fazer um segundo post sobre isso no futuro… quem tiver dicas diferentes, pode deixar nos comentários, vou adorar ler!

Por favor, cuidem de vocês, do corpo e da mente… estamos num mundo doente com pessoas cada vez mais sobrecarregadas, frustradas, tristes e esgotadas. Tentar diminuir a sobrecarga da mente é um grande passo em direção a uma qualidade de vida melhor. Vamos mudar o mundo mudando primeiro quem somos e como encaramos a vida! O mundo está louco, mas não precisamos enlouquecer com ele.

Segue lá também: YouTube | Instagram | Facebook | Twitter

 

14 comentários sobre “Diminua a sobrecarga mental com pequenas atitudes.

  1. Carol disse:

    meu deus! justo estive pensabdo muito sobre isso esses dias e também fiz muitas dessas pequenas mudanças (sair de grupos de whats. foi a primeira). Muito bom saber que não estou só e que não sou a unica q me sinto na necesidade de desconectar um pouco desse mundo louco de informação constante. obrigada Hari por conpartilhar seus pensamentos. te admiro demais ♡

  2. Luma disse:

    Eu, sinceramente, fiquei envergonhada lendo esse post pelo simples fato de fazer TUDO o que você listou. Não é a toa que tenho vivido com uma angustia apertando meu peito dia e noite. Vou imprimir agora mesmo ❤

  3. Juliana disse:

    Eu li com muita atenção porque eu preciso resolver ajustar isso na minha vida. A maioria dos tópicos eu tô fazendo errado e você tem toda razão. A questão da gasolina, de adiar o não, de sair 10 minutos mais cedo, separar a roupa no dia anterior, nossa, esses são os pontos mais críticos que espero começar a fazer hoje mesmo! Excelentes dicas!

    Bjos!

  4. Thay disse:

    Oi Hari!
    Desativar as notificações de tudo que bagunça a minha vida foi uma das melhores coisas que fiz ano passado. Não me faz falta e me sinto um pouquinho mais livre.
    No final de 2017 eu surtei pq tinha coisas demais pra fazer, pra resolver, pra olhar, para acompanhar. Dei um basta nesse prisão que as redes sociais nos impõe. Hoje tenho mais leveza no meu dia a dia! Obrigada por compartilhar conosco essa verdadezinha. É bom mais pessoas andando na contra-mão.
    Beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s