Votou, agora aguenta. Não.

Gente, vamos refletir rapidinho? Você já começou a namorar e em algum momento acabou o relacionamento? Já se apaixonou e depois desdenhou? Comprou uma roupa, chegou em casa não curtiu mais e foi lá trocar por outra? Já entrou no emprego que queria e depois pediu demissão? Já quis morar fora e quando viajou, viu que queria mesmo era continuar no Brasil? Já começou um curso na faculdade, trancou e começou outro completamente diferente?

Então, se você respondeu sim para uma ou mais perguntas anteriores, tenta entender por que você não pode falar do amiguinho que votou em alguém e hoje está reclamando. Ninguém merece e nem deve e nem pode ser refém de uma escolha ou aposta, deixem de ser bobos. Quem votou no Alckmin, na Dilma, no Haddad ou seja lá em quem quer que esteja no poder, pode reclamar sim.

 Espero que tenha sido esclarecedor pros colegas com dúvida.

2 comentários sobre “Votou, agora aguenta. Não.

  1. Nathália disse:

    Não é bem assim também! Reclamar claro que pode, mas vivemos em uma democracia presidencial, o que quer dizer que você não pode simplesmente querer o cara fora do cargo só porque não tá te agradando. Tem que aguentar sim! O que você pode é tentar pressionar o cara para que ele trabalhe melhor, ir às ruas sim, fazer protesto sim! Mas não pela saída dele, mas.l, repito, para que ele trabalhe melhor!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s