A magia do Natal

Passou, já é dia 26! Talvez esteja fora de hora, mas quero registrar aqui a importância da data pra mim. Muita gente acha piegas, ultrapassada, capitalista e até forçada. Muitos são contra o fato de ter data marcada pra presentear e falar coisas boas à respeito de quem se quer bem… E esse é justamente um dos fatos que eu mais gosto, veja bem… É, não pela obrigação, porque você não é obrigado a nada e você nunca vai usar uma data dessa pra abraçar quem você não gosta. Hoje em dia anda tudo tão corrido, tão superficial, tão automático que eu acho que precisa, sim, de uma data em que as pessoas precisem desacelerar e olhar para o lado. Ainda mais porque é óbvio que ninguém vai passar o ano inteiro comprando presentes pra quem gosta e muito menos mandando mensagens com bons votos. 1 – ninguém tem tempo pra isso; 2 – não pareceria equilibrado.

foto-3

Aqui em casa, há muitos anos, passamos só eu, meus pais e minha irmã. Como já tinha falado nesse post aqui, minha vida sempre foi uma bagunça e eu sempre mudei demais, andei demais e isso fez com que a gente fosse deixando pra trás muitas coisas e muita gente, o que acaba resultando em um Natal sem mesa cheia. Teria tudo pra ser mais um dia, mais uma janta… Mas a gente sempre fez questão de manter as tradições. Ao acordar na véspera, já tem música natalina ecoando pela sala, já tem comida no forno (aves natalinas demoram para assar). A mesa é posta cedo, a toalha é diferente dos outros 364 dias, os guardanapos, os copos… Durante o dia, costumo mandar algumas mensagens pra quem eu acho que devo mandar, pra quem participou do meu ano de alguma forma… Arrumo o quarto também porque eu fico incrivelmente incomodada com quarto bagunçado em noite de Natal, vai entender..

Quando a noite está caindo, é hora de ir pro banho… Pouco importa se não tem ninguém diferente, a gente se veste como se fosse sair, até maquiagem eu passo! As comidas tradicionais, como os tomates recheados da minha mãe, estão presentes desde o primeiro Natal que eu consigo me lembrar. A bebida é champagne, todos ficam na sala conversando e felizes por simplesmente estarem ali. É, todo mundo fica contagiado pelo dia e é nítido no rosto de cada um. Sempre tem as sessões de foto em que a gente tenta se entender com o timer da câmera e o tripé, sempre é uma zona, mas alguma coisa sempre se salva. Depois disso, de foto com as maquiagens ainda intactas, é hora da choradeira. Todo ano a gente prepara algo, alguma mensagem, algum vídeo, algo que toque a gente, alguma mensagem inspiradora… A desse ano foram dois vídeos que em algum outro momento compartilho com vocês. Depois desse momento, todo mundo sempre está desconfigurado, não sobra um sem chorar. Depois tem a troca de presentes e, a última coisa da noite, a ceia (que vira almoço do dia seguinte).

Um post absolutamente inútil pra todos vocês, mas esse é um blog pessoal em que eu tento, muitas vezes, compartilhar algo legal com vocês… Mas às vezes são apenas registros pra mim mesma.

Espero que a magia que envolve essa época do ano, acompanhe vocês na entrada de 2013.

Um beijo!

8 comentários sobre “A magia do Natal

  1. luizarms disse:

    ai, amo natal s2 não me importo com o que dizem sobre o capitalismo e blablabla! é uma época linda e de muito amor querendo ou não! aqui em casa a ceia tbm é pequena (quando não viajo pra casa da minha vó), mas não importa quantas pessoas, só o momento é bom o suficiente!

    ps: OI MENINAS! FIZ UM BLOG SOBRE O MEU INTERCÂMBIO, COM DICAS, EXPERIÊNCIAS, TUDO SOBRE O ASSUNTO! VENHAM DAR UMA OLHADINHA! beijinhos :*
    http://brightonherewego.wordpress.com

  2. Luane disse:

    Nada de inútil, seus posts me inspiram porque dá pra ver a felicidade que você tem em estar com sua família e eu acho isso lindo, porque eu tb amo minha família.
    Tem a questão do capitalismo, todo mundo sabe mas o que importa é como cada um enxerga, isso é uma oportunidade a mais pra presentear quem amamos e o ‘Aniversariante’ também rs ((:
    Tudo de bom pra você Hariana, ótimas festas de fim de ano.
    E só pra variar a ceia vira almoço hahaha ❤

  3. Karen disse:

    Eu acho que tem que ser feito isso mesmo. Hoje em dia o mundo tá uma bagunça e precisamos de uma data para nos lembrarmos do que é família, pois para mim o Natal se resume a isto: família. Tá certo que nem todos tem condições financeiras para presentear, ou fazer uma ceia natalina, mas quem pode deve fazer isto sim. Quem não pode faz como dá, mas sempre lembrando do que é família e amor, sempre com os corações quentes para se trazer pra perto quem se ama… Mesmo que seja apenas em memória.

  4. Karla disse:

    Post Lindo, alías o mais lindo de todos.. (vejo todos) o primeiro a comentar também.. rss 🙂 mais vc escreveu simplesmente o amor, a união e a sorte de ter pessoas ‘ lindas ‘ ao seu lado, pra que mais??

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s