O último do ano.

foto (3)

Só restam algumas horas de 2012 e eu sempre faço a restrospectiva, penso no que podia ter sido, no que foi, no que deu certo, no que deu errado, penso no ano que passou e em tudo que aconteceu na minha vida. E agora, feito o balanço, eu só consigo olhar pro céu e agradecer. Um ano cheio de realizações pessoais e profissionais. Um ano de fechar alguns ciclos e dar início a outros, um ano de amadurecimento… Só tenho a agradecer por tudo que aconteceu na minha vida, pela saúde que nunca me faltou, pela disposição que, claro, em alguns dias deixou a desejar, mas esteve presente em quase todos os dias do meu 2012. Agradecer pelas pessoas que tenho na minha vida, pelos dias maravilhosos que eu vivi, pela proteção que nunca me faltou também e por essa energia boa que está sempre presente iluminando o meu caminho. Que 2013 seja um ano de mais realizações ainda, mais crescimento, mais alegria, mais dias pra sempre lembrar, um ano que transborde sorrisos e de muita disposição pra ir atrás dos sonhos. Obrigada a todo mundo que de alguma forma torce por mim, que aparece aqui, que fala coisas positivas, que acompanha e joga um pouco de energia boa pra minha vida. Obrigada e um ótimo 2013 pra todo mundo!

Pra encerrar, juntei algumas músicas que acho que cabem pro dia de hoje, então fica aqui também a última playlist do ano!

foto (1)

E pra finalizar, cito Drummond e desejo pra vocês muito fôlego pra encarar os novos 12 meses e um peito cheio de esperança!

Quem teve a ideia de cortar o tempo em fatias, 
a que se deu o nome de ano, 
foi um indivíduo genial. 

Industrializou-se a esperança, 
fazendo-a funcionar no limite da exaustão.

Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar 
e entregar os pontos. 
Aí entra o milagre da renovação 
e tudo começa outra vez, com outro número 
e outra vontade de acreditar 
que daqui para diante, 
vai ser diferente. 

Até ano que vem!

Must Have – Denim Shirt

Oi, gente! Lembram desse post aqui em que eu compartilhava algumas das peças obrigatórias no guarda-roupa? Tem uma em especial que não citei lá e que merece um post só pra ela: a camisa jeans. Eu sou uma apaixonada por camisas de botão, a maioria do meu guarda-roupa é composta por elas, mas a jeans é uma das minhas preferidas pela versatilidade e pelas mil opções que ela nos dá!

foto 5

Fui buscar no Google as mulheres que eu mais admiro o estilo, tendo a certeza de que em alguma foto elas estariam com a camisa e acertei na mosca! De Emmanuelle Alt (que por sinal um dia preciso fazer um post só dela, está no meu top 3 mulheres que mais admiro) à Rachel Bilson, todas amam, todas usam!

foto 2

foto 3Alexa Chung e Rachel Bilson deixaram as pernocas de fora, Sienna Miller foi de bota e calça preta, assim como a Betty, mas que optou por deixar a camisa aberta com uma regata por baixo. Olivia Palermo misturou jeans com jeans e suavizou com uma sapatilha nude e a poderosa Emmanuelle, bem, ela consegue deixar até uma simples camisa jeans com cara de sofisticação, inacreditável! Tem como uma peça ser mais democrática que isso?

tumblr_mfuu6jh9Ub1qzg6wko1_1280

tumblr_mfuukeLaET1qzg6wko1_1280

Os look acima eu fiz no Polyvore e poderia passar a tarde inteira fazendo, mas eu preciso ter limite haha ainda existem mil possibilidades, mas cada um adapta ao seu estilo. Dá pra colocar salto, calça social, dá pra ir até pra praia! Se alguém que está lendo ainda não tem a sua, acho bom começar a procurar. Eu, sinceramente não sei se é uma tendência atual, passada ou futura. Tudo que eu sei é que é confortável, é simples e é bonito, isso é motivo suficiente pra me fazer querer usar mais e mais. Até Carla Bruni, mais uma do top 3 (sim, eu adoro o estilo das francesas), ex primeira-dama francesa, saiu na capa da Vogue Paris de dezembro (é a quarta capa dela na revista) com um camisa jeans! Alguém ainda tem alguma dúvida de que é peça obrigatória?

carla-bruni-sarkozy-by-mert-marcusfor-vogue-paris-decemberjanuary-2012-2013

 

foto 4

É isso, gente… Minha dica nesse domingo, 30 de dezembro, não poderia ser mais básica!

O que acharam?

Beijos

Instagram da semana

Um pouco de instagram enquanto não tenho ideia de um post novo…

20121228-192243.jpg

Calor!!!!!!!!

Sim, eu estou trabalhando hoje. Acabei de voltar do almoço e os quase quarenta graus que estão fazendo lá fora me deprimiram haha então resolvi afogar minhas mágoas no Polyvore e criar, em um mundo hipotético, a realidade que eu queria estar encarando no momento.

calorsemfim

Calor!!!!

A magia do Natal

Passou, já é dia 26! Talvez esteja fora de hora, mas quero registrar aqui a importância da data pra mim. Muita gente acha piegas, ultrapassada, capitalista e até forçada. Muitos são contra o fato de ter data marcada pra presentear e falar coisas boas à respeito de quem se quer bem… E esse é justamente um dos fatos que eu mais gosto, veja bem… É, não pela obrigação, porque você não é obrigado a nada e você nunca vai usar uma data dessa pra abraçar quem você não gosta. Hoje em dia anda tudo tão corrido, tão superficial, tão automático que eu acho que precisa, sim, de uma data em que as pessoas precisem desacelerar e olhar para o lado. Ainda mais porque é óbvio que ninguém vai passar o ano inteiro comprando presentes pra quem gosta e muito menos mandando mensagens com bons votos. 1 – ninguém tem tempo pra isso; 2 – não pareceria equilibrado.

foto-3

Aqui em casa, há muitos anos, passamos só eu, meus pais e minha irmã. Como já tinha falado nesse post aqui, minha vida sempre foi uma bagunça e eu sempre mudei demais, andei demais e isso fez com que a gente fosse deixando pra trás muitas coisas e muita gente, o que acaba resultando em um Natal sem mesa cheia. Teria tudo pra ser mais um dia, mais uma janta… Mas a gente sempre fez questão de manter as tradições. Ao acordar na véspera, já tem música natalina ecoando pela sala, já tem comida no forno (aves natalinas demoram para assar). A mesa é posta cedo, a toalha é diferente dos outros 364 dias, os guardanapos, os copos… Durante o dia, costumo mandar algumas mensagens pra quem eu acho que devo mandar, pra quem participou do meu ano de alguma forma… Arrumo o quarto também porque eu fico incrivelmente incomodada com quarto bagunçado em noite de Natal, vai entender..

Quando a noite está caindo, é hora de ir pro banho… Pouco importa se não tem ninguém diferente, a gente se veste como se fosse sair, até maquiagem eu passo! As comidas tradicionais, como os tomates recheados da minha mãe, estão presentes desde o primeiro Natal que eu consigo me lembrar. A bebida é champagne, todos ficam na sala conversando e felizes por simplesmente estarem ali. É, todo mundo fica contagiado pelo dia e é nítido no rosto de cada um. Sempre tem as sessões de foto em que a gente tenta se entender com o timer da câmera e o tripé, sempre é uma zona, mas alguma coisa sempre se salva. Depois disso, de foto com as maquiagens ainda intactas, é hora da choradeira. Todo ano a gente prepara algo, alguma mensagem, algum vídeo, algo que toque a gente, alguma mensagem inspiradora… A desse ano foram dois vídeos que em algum outro momento compartilho com vocês. Depois desse momento, todo mundo sempre está desconfigurado, não sobra um sem chorar. Depois tem a troca de presentes e, a última coisa da noite, a ceia (que vira almoço do dia seguinte).

Um post absolutamente inútil pra todos vocês, mas esse é um blog pessoal em que eu tento, muitas vezes, compartilhar algo legal com vocês… Mas às vezes são apenas registros pra mim mesma.

Espero que a magia que envolve essa época do ano, acompanhe vocês na entrada de 2013.

Um beijo!

E o tal do mundo não se acabou…

É, gente, o mundo não acabou. Aliás, grande encheção de saco essa história de fim de mundo que entupiu todas as redes sociais nas últimas semanas. Parece um desespero acreditar nisso, parece fraqueza, inclusive. Um motivo pra fazer tudo que não se fez e se tinha vontade apenas porque o mundo vai acabar… Não que muita gente tenha tomado, de fato, alguma atitude além de fazer piadas. Com exceção de alguns loucos que se refugiaram em fortalezas (esses nunca vou entender, quem iria querer sobreviver em um mundo onde nada mais existe?) e alguns outros anunciaram suicídio. Até a NASA teve que vir à público desmentir toda essa baboseira de fim de mundo para tentar acalmar os que, de alguma forma, acreditavam.  Não é a primeira vez que isso acontece, provavelmente não será a última, as pessoas sempre querem dar um fim definitivo no mundo, mundo esse que já começou a acabar há muito tempo.

Disso tudo, o que eu penso é que cada um deveria acabar com o seu próprio mundo, renovar, mudar, criar um novo. Aproveitar a data pra resetar, não existe nenhuma vida perfeita o suficiente que não precise de uma “repaginada”. Acabe seu mundo e comece ele do zero de novo, agindo de uma maneira talvez um pouco melhor, revolucione a si mesmo. Ria mais, perdoe mais, coloque mais música na sua vida, converse mais com os outros, largue os antigos (e maus) hábitos, seja feliz. Cuide mais do seu mundo e esqueça o mundo dos outros, importe-se com o seu, faça seu mundo agradável e automaticamente o mundo de quem faz parte da sua vida também se enfeitará. Ai, tô me sentindo piegas, brega, sem graça, mas coisas que parecem tão básicas são simplesmente esquecidas!!! Falo isso porque até hoje vejo pessoas se incomodando (e atrapalhando) com o mundo dos outros, inclusive do meu. Eu tento tanto cuidar de mim, da minha vida, das pessoas que me cercam e quero bem e, de repente, me deparo com uns e outros querendo destruir isso.

Por favor, aproveitem o “não-fim” do nosso mundo comum pra dar um fim (com recomeço) no seu. Destrua o que te faz mal e trate de ser feliz, trate de alegrar-se com a alegria de outrem. Pare de se importar com o que simplesmente não diz respeito à você, entenda onde acaba seu direito e começa o do outro e, antes de tudo, ame você mesmo, o que você tem, o que você fez da sua vida e o que você é. Esse é o único jeito de ser feliz de verdade e de não se doer com o brilho do mundo dos outros.

Feliz mundo novo pra vocês! 

O que dar de presente?

Oi!! Seguinte, algumas pessoas me pediram pelo e-mail (hrnmnk@gmail.com) dicas de presentes nesse natal, acho que é o dilema de todo mundo em dezembro, né? Eu acho super difícil escolher presente pra quem eu conheço, imagina então pra quem eu não conheço??? Mas pensei em algumas dicas e acho que elas podem ser úteis pra quem estiver totalmente sem ideias e atrasado porque, né? Falta menos de uma semana!!

As dicas foram bem genéricas, nada muito pessoal… Pra dar pra uma amiga, uma colega, professora, chefe, amigo secreto, aquela tia que só vê algumas vezes por ano… E, se tiver a ver com alguém especial, por que não também? Enfim, espero que ajude um pouco quem ainda está meio perdido nesse natal.

1 – Livros

foto 4

Acho que livros são os reis dos amigos secretos (depois das Havaianas). Aqui em cima coloquei livros que não são indicações específicas minhas, até porque tirando Game Of Thrones (e o da Rowling que tem meu respeito por HP), posso dizer que abomino essas indicações. Peguei em alguns sites a lista dos mais vendidos e estes estão em todas ou quase todas… Independente de ser um deles, acho que vale uma passada na livraria e dar uma olhada em algumas sinopses pra ver se, quem sabe, não acha alguma história que combine com quem você quer presentear.

2 – Havaianas

foto 2

Já que eu falei delas ali, vou citar, né? Havaianas, todo mundo usa! Eu adoro e acho que elas nunca são demais, se você sabe o número que a pessoa calça, é uma ideia boa e sucesso quase garantido. Esse ano já vi vários modelos novos muito bonitos, são fáceis de achar, não dá trabalho na hora de comprar.

3 – Moleskine

foto-2

São um pouco mais carinhos, ficam na faixa dos R$ 100,00, então acho que tem que ser pra quem é um pouco mais próximo e especial. A marca cláááássica dos caderninhos que piram a cabeça dos designers tem lançado linhas especiais com temas maliciosamente escolhidos. Peanuts, Lego, Pequeno Príncipe (❤), Star Wars… Quem não conhece alguém muito fã de algum desses temas? Acho que ninguém! Nas principais livrarias você vão encontrar.

4 – Capa para celular

foto 1

Tenho certeza que todo mundo conhece alguém real ou virtual que venda mil e um tipos diferentes de capinhas de celular! É um presente até que barato e não tem quem não goste de uma roupa nova pro companheiro de todos os dias.

5 – Aromatizadores de ambiente

foto 5

Mães, “chefas”, tias, amigas, vós, colegas… Acho que não tem uma mulher que vá ficar triste se ganhar um cheirinho pra deixar o clima de casa mais gostoso. Seja difusor ou vela,  a dica, já que dar cheiros é um pouco delicado, é optar pelas fragrâncias mais frescas e florais… Nada muito forte! Em lojas de decoração em geral e lojas que vendem roupa de cama geralmente vendem.

6 – Almofadas

foto 3

Essas almofadas divertidas são as coisas mais lindas do mundo! Se dependesse de mim, eu tinha todas e a casa tomada por elas haha na Imaginarium tem várias, aliás, na Imaginarium tem mil dicas de presentes!!! Ainda indico pra vocês duas lojas virtuais com almofadas divertidas e várias outras possibilidades de presente: a Desing Mannia e a  House Mania (alô você que está pensando em lançar um site pra vender decorações, esqueça a palavra mania!)

Ufa! Esse post me deu trabalho! hahaha deixando claro que nessa época o que importa é lembrar das pessoas, não importa se o presente é um cartão ou um carrão, o que importa é o carinho com que se dá. O valor das coisas não está no preço. Ainda tem mil opções.. Camisetas, porta-retrato (com foto) pra alguém que tá longe, perfume (se conhece bem o gosto da pessoa). Se não tiver muita intimidade, muitas lojas de roupas e livrarias tem vale-presente, é impessoal, mas em alguns casos cabe dar.

Espero ter ajudado de alguma forma.

Beijos e não exagerem no cartão de crédito, a conta uma hora chega! hehe